Certificado Cadastur - Ministério do Turismo do Brasil - 26.064298.80.0001-2

CAMINHOS DO IGUAÇU: Cicloturismo de 187 km no oeste paranaense

  • 09/08/2018

Os Caminhos do Iguaçu – Rota Beira Parque é um projeto voltado para o cicloturismo com um percurso de 187 km na região do Parque Nacional do Iguaçu, saindo de Cascavel até Foz do Iguaçu.


A pedra fundamental do projeto foi colocada no último dia 17 de março em Cascavel, no Paraná.

Os municípios limítrofes com o Parque Nacional do Iguaçu em parceira com a Itaipu Binacional,  estão levando adiante um projeto para desenvolver o cicloturismo e o ecoturismo na região oeste do Paraná. Nos planos, está uma rota turística de 187 km que formará os Caminhos do Iguaçu – Rota Beira Parque.  Um percurso com muito verde que utilizará estradas vicinais, cruzará várias  propriedades rurais propiciando aos ciclistas o contato direto com a natureza, com acesso a rios e belas cachoeiras.

A cidade de Cascavel saiu á frente e no último dia 17 de março, as autoridades da cidade e das empresas e associações parcerias no projeto,  colocaram a pedra fundamental, o Marco Zero do Caminho do Iguaçu entre a BR-277 e a PR180.

Dos 187 km da Rota Beira Parque, 44,6 km ficam no município de Cascavel, esse trecho será construído pela Seagri – Secretaria da Agricultura da cidade, por meio de um convênio firmado com a Itaipu Binacional terá um investimento de R$ 26.619.297,10  – sendo R$ 14.038.358,98 da Itaipu e uma contrapartida de R$ 12.580.938,12 do Município, o qual prevê também a adequação de estradas rurais, abrangendo trechos em todos os distritos e pavimentação com pedras irregulares.

 

Itaipu Binacional patrocina o projeto da rota turística – foto: Adetur Cataratas e Caminhos                                                      

A rota cruza oito municípios, iniciando em Cascavel, passando por Santa Tereza do Oeste, Céu Azul, Matelândia, Serranópolis do Iguaçu, São Miguel do Iguaçu, Santa Terezinha de Itaipu e finalizando em Foz do Iguaçu, contemplando um percurso de quase 200 quilômetros. O trecho de Cascavel recebeu o nome do idealizador e ex-presidente da ACIC (Associação Comercial e Industrial de Cascavel), José Torres Sobrinho, que faleceu em janeiro do ano passado.

O projeto de implantação da rota turística interligando Cascavel a Foz do Iguaçu é fruto do convênio entre a ADETUR –  Agência de Desenvolvimento da Região Turística Cataratas do Iguaçu e Caminhos ao Lago de Itaipu e Itaipu Binacional, também da parceria com instituições regionais, como Fundação Parque Tecnológico de Itaipu e tem apoio do Parque Nacional do Iguaçu, prefeituras dos municípios Lindeiros ao Parque, além de grupos de ciclistas como a e Associação Ciclismo Cascavel (ACC)  e organizações regionais.

De acordo com Flávio Degasperi, presidente da ADETUR, a rota turística tem por objetivo fomentar o turismo rural, com a prática da cavalgada, caminhada, ciclismo, tendo em vista que são três atividades que geralmente são praticadas em estradas vicinais, onde o risco é menor e há a atratividade ao longo do trajeto. Após o evento de lançamento das obras foi realizado um pedal inicial de aproximadamente oito quilômetros. “O prazer de estar numa rota como esta é muito maior, traz um bem-estar para a população, que vai usufruir como um todo do trajeto ou trechos, conforme melhor atender a demanda de cada um. Um ganho para a sociedade em geral”, salienta.

Os trabalhos para o desenvolvimento do projeto de implantação da rota turística começaram há cerca de dois anos, com  dois workshops nos municípios de Serranópolis do Iguaçu e Matelândia  promovidos pela ADETUR com a finalidade de consultar a comunidade do entorno e discutir algumas estratégias importantes para a estruturação. De posse dessas informações, a Adetur, através do convênio com Itaipu contratou uma empresa e dois técnicos para o levantamento de dados e informações técnicas para a estruturação da rota. A empresa realizou diagnósticos do percurso, fez todo o mapeamento, georreferenciamento dos trechos e pontos de interesse, bem como os locais críticos que receberão melhorias de acesso e adequações.

 

O percurso inclui cachoeiras – foto: Adetur Cataratas e Caminhos       

A agência também desenvolveu o projeto de sinalização direcional dos principais atrativos e em breve deverá colocar no ar um site e um aplicativo móvel com  mapas, informações úteis,  atrativos, serviços disponíveis na rota turística. A equipe de trabalho formada por técnicos da Adetur, Itaipu Binacional e Parque Nacional do Iguaçu também percorreu todo o traçado da rota para análise dos pontos que necessitaram de adequações e melhorias.

A previsão para o término das obras da rota turística é agosto de 2018. Cada um dos municípios assinou o convênio com a Itaipu Binacional para melhoria do solo e adequações necessárias dentro de território contemplado pelo trajeto.

O cicloturismo não é novidade na região, onde acontece um evento que chegou à sua sexta edição:  o Circuito Regional de Cicloturismo com 17 etapas entre 2018/19. Trata-se de  uma promoção da Adetur (Agência de Desenvolvimento Turístico da Região Cataratas do Iguaçu e Caminhos ao Lago de Itaipu),com  organização e realização das Prefeituras Municipais e Grupos de Ciclistas da Região, conta com o patrocínio da Itaipu Binacional, Audax (bicicletas) , Sicredi e apoio do Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu.

O Circuito Regional de Cicloturismo Cataratas do Iguaçu e Caminhos do Lago de Itaipu, não é uma competição mas uma atividade de lazer que pode ser feita em família ou por grupos de amigos  com duas opções de percurso para cada evento; um trajeto maior de aproximadamente 45 km e outro menor de 25 km assim é possível escolher o passeio de acordo com as condições físicas de cada participante. As próximas etapas acontecem em  15 de abril, na cidade de Mercedes, 20 de maio, em Foz do Iguaçu e em 17 de junho em Serranópolis do Iguaçu.

Por: MundoBici.com.br

Compartilhe

Curta nossa Fan Page

Veja também

Bikers Rio Pardo | Notícia | Ribeirão Preto é tricampeã da Copa São Paulo de Ciclismo

Ribeirão Preto é tricampeã da Copa São P...

Plantel de base, comandado pelos técnicos Fernando Bassanezi e Thiago Nardin, venceu 10 da... veja +

Bikers Rio Pardo | Notícia | Strava atinge 2 bilhões de atividades postadas. Veja dados no Brasil e no mundo

Strava atinge 2 bilhões de atividades po...

Fundado em 2009, o Strava alcançou uma marca expressiva nesta semana. O serviço agora cont... veja +

Bikers Rio Pardo | Notícia | A cidade das bikes, onde carro não entra

A cidade das bikes, onde carro não entra

Em Afuá, no Pará, as pessoas e os cachorros andam nas ruas sem medo de serem atropelados

Bikers Rio Pardo | Notícia | Cannondale Brasil Racing tem nova formação para 2019

Cannondale Brasil Racing tem nova formaç...

No segundo ano da equipe, objetivo permanece sendo contribuir com o crescimento do ciclism... veja +

ACESSE O SITE

Ainda não possui conta? Clique aqui para se cadastrar!

Esconder

Recuperar senha?

Perdeu a senha? Informe o seu e-mail. Você receberá um link para recuperar a senha.

Mensagem de erro!



Voltar para login

Fechar

Próximo Evento: CICLO AVENTURA FURNAS - 17/02/2019

Bikers Rio Pardo | CICLO AVENTURA FURNAS