Certificado Cadastur - Ministério do Turismo do Brasil - 26.064298.80.0001-2

Cicloturismo: como se preparar para uma viagem de bicicleta

  • 10/07/2018

Viajar de bicicleta é uma aventura inesquecível. Desde pequenos trajetos até viagens intercontinentais, são cada vez mais comuns as histórias de gente que abre mão do transporte motorizado em nome de uma viagem mais lenta, que proporciona mais proximidade com os lugares visitados.


Para que tudo corra bem, no entanto, é preciso tomar alguns cuidados. Imprevistos podem ocorrer – esteja preparado para lidar com eles e seguir viagem. 

Se você nunca viajou de bicicleta ou mesmo se já é um cicloturista experiente, confira nossas dicas e acerte todos os detalhes antes de sair de casa. Boa viagem! 

Cicloturismo: como se preparar para uma viagem de bicicleta. 
 

>> Planejamento

  • Comece pequeno. Se você nunca fez uma cicloviagem, é recomendável começar com uma rota modesta, de poucos dias e baixa quilometragem diária, para “pegar o jeito”, antes de se jogar em uma aventura intercontinental.
  • Treine para a viagem antes de ir, de preferência passando por relevos parecidos com os que você vai encontrar no caminho. Treinar com o alforje cheio vai te dar uma ideia mais precisa de como será pedalar com o peso extra, e como ficará o equilíbrio em cima da bike. 
  • É imprescindível fazer uma revisão mecânica na bicicleta antes da viagem. Informe seu mecânico sobre seus objetivos, por onde vai passar e quanto pretende pedalar, para que ele possa ver se todas as peças aguentarão a jornada. Corrente, pneus e pastilhas de freio precisam estar em boas condições. 
  • Investir em um bike fit apropriado antes de cair na estrada é o melhor jeito de evitar dores devido às horas contínuas de pedal.
  • Escolha uma rota que esteja de acordo com a sua capacidade física. Vento, areia e lama podem dificultar ou impossibilitar o pedal – esteja preparado para o caso de não conseguir concluir um trajeto dentro do tempo planejado. 
  • Estude sua rota antes de sair de casa, leia relatos e pegue dicas com quem já foi. Veja onde há locais para se hospedar e determine quantos quilômetros você irá pedalar por dia. 
  • Saia de casa sabendo consertar pelo menos os problemas básicos da bicicleta – e com as ferramentas para isso. Saber trocar um pneu, ajustar o freio e resolver problemas na corrente são o mínimo necessário para resolver percalços inesperados.
  • Informe seus planos de viagem a pelo menos uma pessoa de confiança em casa, que saberá onde você está e quando deve voltar.
  • Se for pegar um avião ou ônibus com a bicicleta, confirme com a companhia com antecedência se é possível levar a bicicleta e quais os procedimentos e taxas. 

>> Na estrada

  • Distribua o peso de maneira uniforme entre os alforjes, para que a bicicleta continue equilibrada. Barracas e outros itens coletivos de acampamento podem ser “desmembrados” e carregados por mais de uma pessoa.
  • Pedalando por estradas, siga sempre na mesma mão dos carros (nunca na contra-mão), e sinalize suas intenções com as mãos. Em cruzamentos, pare e verifique se não há carros vindo (mesmo se a preferencial for sua).
  • Não dependa só do GPS – o sinal pode falhar, o celular pode ficar sem bateria ou quebrar. Leve um mapa em papel da região sempre com você. 

>> Equipamentos

  • Deixe a vaidade em casa. Leve a menor quantidade possível de roupas, e planeje repetir o mesmo look muitos dias – materiais sintéticos pegam menos cheiro e secam mais rápido.
  • Prefira roupas claras e em cores chamativas, que aumentam sua segurança na estrada. Se durante a viagem perceber que levou coisas demais, é sempre possível mandar de volta para casa pelo correio, ou doar a alguém que precise pelo caminho. 
  • Teste todo seu equipamento eletrônico antes de partir, e garanta que está com baterias e cabos. Um powerbank pode ser um ótimo aliado se você vai passar por lugares remotos. 
  • Reduza onde for possível. Itens de higiene pessoal devem ser em tamanho miniatura.
  • Esteja preparado para diferentes condições climáticas. Uma capa de chuva/corta-vento, um agasalho, um boné, óculos escuros e protetor solar compõem o kit mínimo para conseguir enfrentar qualquer situação com conforto. Não esqueça de levar um chinelo para os momentos de descanso.
  • Leve um kit de primeiros socorros, alimentação e água (para uma viagem auto-suficiente, pelo menos dois litros por dia por pessoa). Uma lanterna e luzinhas para a bike (frontais e traseiras) também são indispensáveis.
  • Seu kit ciclístico deve conter no mínimo remendos para pneu, emendas de corrente, duas câmaras reserva, lubrificante e um canivete multi-funções.  

Por: Fernanda Beck - Site: Ativo.com

Compartilhe

Curta nossa Fan Page

Veja também

Bikers Rio Pardo | Dica | 10 alimentos que têm mais potássio do que a banana

10 alimentos que têm mais potássio do qu...

Na hora de repôr as energias, muitos atletas têm como primeira opção a banana, conhecida p... veja +

Bikers Rio Pardo | Dica | Sua bike está segura? Veja como trancar sua bicicleta na rua

Sua bike está segura? Veja como trancar...

Um dos maiores pesadelos de quem usa a bicicleta como meio de transporte é não encontrar a... veja +

Bikers Rio Pardo | Dica | Três exercícios incríveis para quando você está sem tempo para pedalar

Três exercícios incríveis para quando vo...

Sem tempo para pedalar? Sem problema! Você pode fazer esses exercícios de alta intensidade... veja +

Bikers Rio Pardo | Dica | 15 maneiras simples de ser um Ciclista Melhor

15 maneiras simples de ser um Ciclista M...

É hora de melhorar suas subidas e otimizar a pedalada! Consultamos especialistas em manute... veja +

ACESSE O SITE

Ainda não possui conta? Clique aqui para se cadastrar!

Esconder

Recuperar senha?

Perdeu a senha? Informe o seu e-mail. Você receberá um link para recuperar a senha.

Mensagem de erro!



Voltar para login

Fechar

Próximo Evento: Ciclo Aventura - VARGEM GRANDE do Sul - 22/07/2018

Bikers Rio Pardo | Ciclo Aventura - VARGEM GRANDE do Sul